Ame, simplesmente ame

Ame, simplesmente ame. Nosso papel nunca foi de julgar, quem julga já está julgado. Nosso papel nunca foi de convencer, quem convence é o Espírito Santo. Nosso papel nunca foi de rejeitar, pois Jesus não nos rejeitou. Simplesmente o nosso papel é de amar, amar, amar e amar.

Tenho visto muitas igrejas falarem que ama, mas na prática nada. Vou deixar aqui algo para você pensar. É muito lindo quando um travesti entra em nossas igreja, aceita Jesus, é batizado e se torna um líder de célula. Mas chega um momento que este ex-travesti quer se casar, com a sua filha ou sua irmã…

Qual foi a sua reação?

Estamos de fato preparados para amar e dispostos a amar? Mesmo que o seu nome fique mal falado? Mesmo que te tirem seu ministério e te expulsem da igreja?

Tenha certeza que se uma igreja não consegue amar um filho de Deus desses, é porque Jesus não está lá.

Revolucionário Olavo B.

Sobre Revolução do Amor

Revolução do Amor - Mudando o mundo através do Amor.
Esse post foi publicado em Revolução do Amor. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s